\ VÉLI DISTRITO FEDERAL \ VÉLI RH e I9Ação levam gamefication para Universidade dos Correios

VÉLI RH e I9Ação levam gamefication para Universidade dos Correios

Mais de 50 representantes de todos os processos de educação da Universidade Corporativa dos Correios participaram, no último dia 19 de abril, do Game Jam promovido pela VÉLI RH e I9Ação. Durante quatro horas de evento, a equipe da VÉLI RH e I9Ação mostraram aos participantes técnicas de como construir jogos corporativos, a fim de solucionar questões empresariais e promover ainda mais engajamento.

Após a palestra Games – Aprendizagem e Engajamento para Vencer Desafios Complexos, os participantes começaram a construir seus jogos em grupos de até oito pessoas, seguindo cinco etapas bem definidas:

  1. Escolha do tema do jogo;
  2. Brainstorm para definir o formato do jogo;
  3. Protótipo: que é a construção do jogo e suas regras;
  4. Playtest: etapa na qual as equipes testam a funcionalidade de seus jogos;
  5. “Degustação”: as equipes se deslocam para outras mesas e experimentam os jogos criados pelos outros grupos;

Segundo a gerente regional do Campus dos Correios em Brasília, Isabel Regina, o objetivo principal em levar a prática do gamefication para a equipe de educadores dos Correios é o de proporcionar mais uma solução educacional inovadora, que irá gerar mais resultados para a empresa. “O gamefication além de ser uma atividade lúdica, gera engajamento a partir de vivência em equipe e busca de soluções criativas para os mais diversos tipos de desafios empresariais, que vão desde gestão de conflitos até problemas de comunicação e liderança”, opinou a gerente.

De acordo com o Diretor da VÉLI RH de Brasília, Mauro Garcia, a prática dos jogos corporativos, ou gamefication está sendo uma tendência muito forte e importante no desenvolvimento de equipes: “os games corporativos são uma ferramenta criativa de desenvolvimento e treinamento de pessoas nas empresas, tanto públicas quanto privadas, e agora, por meio da parceria firmada com a empresa I9Ação, estamos trazendo essas práticas para as organizações de Brasília”.